Balanço da Anfavea



Produção de caminhões supera meta de pesados

Por Bruno de Oliveira

- 06/12/2018

São Paulo – A produção de caminhões segue em ritmo de crescimento para acompanhar as demandas do mercado interno. Até novembro saíram das linhas 98 mil 97 unidades, 29,7% a mais do que a produção registrada em igual período no ano passado, apontaram dados do balanço da Anfavea divulgado na quinta-feira, 6.

 

Com este volume a indústria superou o patamar de produção que projetou, para o ano, 120 mil unidades. A Anfavea considera na projeção a produção de ônibus, que até outubro foi de 27 mil 440 unidades, de forma que o volume combinado supera a quantidade estipulada para o ano.

 

Ao longo do ano o nível de fabricação mensal foi em torno das 9 mil unidades, volume que se repetiu em novembro, segundo o levantamento da Anfavea: 9 mil 985 unidades, 22,3% a mais do que a produção registrada em novembro de 2017.

 

Segundo o presidente da Anfavea, Antonio Megale, o que segue mantendo as fábricas mais ocupadas do que nos anos de crise recente é a demanda interna aquecida: “O mercado interno vem dando respostas positivas de forma a compensar o que se deixou de exportar para a Argentina, por exemplo. Empresas se preparam agora para a safra do ano que vem e isso deverá aumentar as vendas”.

 

Os caminhões pesados, que têm no agronegócio sua principal praça deram sustentação à produção, disse Megale. Até novembro foram produzidas 44 mil 907 unidades, o que representa alta de 51,8% na comparação com os onze primeiros meses do ano passado. A produção de  semipesados chegou a 26 mil 247 unidades, alta de 19%, e a de leves registrou 19 mil 161 unidades, 22,5% a mais.

 

Foto: Divulgação.