NEWS



Toyota convoca 119,5 mil unidades do Corolla para recall

04/04/2018

A Toyota divulgou na terça-feira, 3, dois recalls para o seu modelo mais vendido no Brasil, o Corolla. No primeiro chamado estão envolvidas 53 mil 634 unidades pelo velho problema do deflagrador do airbag do passageiro da frente, pois os airbags que equipam esses carros são da Takata, que produziu milhões de unidades com defeito.

 

De acordo com a montadora, o deflagrador apresentou degradação após muito tempo exposto a altas temperaturas e grandes variações, com isso, tem mais chance dele se romper de maneira inadequada em caso de colisão.

 

As unidades envolvidas deverão passar por uma inspeção e reparo, se necessário, a partir do dia 4 de abril, mas é preciso agendar em uma concessionária autorizada.

 

Segundo recall

 

65 mil 963 unidades vendidas do Corolla Gli 1.8 com câmbio CVT foram chamadas por causa de um problema na unidade de comando eletrônico da transmissão, que foi programado de maneira incorreta e válvula solenoide do CVT pode apresentar mau funcionamento, resultando na limitação da velocidade em 60 km/h e uma luz de advertência acessa no painel.

 

O reparo começará a ser feito a partir do dia 16 de abril e os proprietários devem comparecer a uma concessionária autorizada da empresa para reprogramação da central, ou, reparar a transmissão.